Pesquisa vai apontar critérios de pesca do boto-cinza em Angra, RJ

Pesquisa vai apontar critérios de pesca do boto-cinza em Angra, RJ

Estudo técnico foi pedido pelo Ministério Público Federal. Objetivo é evitar a extinção da espécie.

Por João da Silva 20/10/2015 - 19:23 hs

O Ministério Público Federal pediu nesta terça-feira (13) um estudo técnico sobre os critérios de pesca no habitat do boto-cinza, em Angra dos Reis, na Costa Verde do Rio de Janeiro. O requerimento foi enviado aos Ministérios da Pesca e do Meio Ambiente e dá um prazo de 30 dias para conclusão do estudo.

O boto-cinza está na lista das espécies da fauna brasileira ameaçadas de extinção. Nas baías de Sepetiba e da Ilha Grande, foi registrada mortalidade de um boto por mês entre 2006 e 2009. Entre 2010 e 2013, a estatística saltou para 2,6 botos por mês e a partir de 2014 até abril de 2015, a mortalidade foi de 5,5 botos por mês.

Os níveis atuais são considerados insustentáveis e bem acima do limite para que a população se mantenha de maneira estável. Caso a estatística persista, em aproximadamente 10 anos a espécie estará totalmente extinta da área.